A resignação do actual Papa Bento XVI e sua ligação com as profecias de Garabandal

13-02-2013 17:24

Queridos amigos de Garabandal,

Quero-vos informar que todos nós devemos esperar e aguardar de forma serena o desenrolar dos acontecimentos que estão a ocorrer ne Igreja católica. Com o acontecimento imprevisto da saída do Papa Bento XVI , houve de forma inevitável uma associação à história de Garabandal. Como já era sabido antes, a profecia dos Papas que Nossa Senhiora quis dar a conhecer ao mundo esta profecia. Conchita González, uma das videntes de Garabandal disse o seguinte em relação a este assunto:

 

" Depois de João XXIII, haverá mais três Papas e depois o fim dos tempos, ...aliás quatro Papas, porque um não conta na realidade...depois, o fim dos tempos", Conchita González

 

Esta contagem inclui os seguintes Papas: Papa Paulo VI,  PapaJoão Paulo I, Papa João Paulo II e o Papa Bento XVI. 

Isto significa dizer que posteriormente desta contagem, entramos definitivamente no fim dos tempos, no entanto é preciso dizer que os Papas continuarão a existir.  aliás como sempre foi ao longo da história, por isso, esta contagem dos Papas foi apenas dito por Nossa Senhora em Garabandal para nos orientar sobre o tempo de contagem até ao " fim dos tempos", e nunca foi dito que os Papas iam terminar agora,de forma alguma. Poderiamos agora especular porquê a razão de" um não contar"? Será que foi João Paulo I, pelo facto de ter tido um reinado muito curto de apenas 33 dias? Ou será que o que "não conta" foi o actual Papa Bento XVI pelo facto ter resignado,uma vez que a contagem era sempre feita tendo em conta a morte do Papa ? Não sabemos. Mas esta interpretação em nada influencia de modo algum na contagem até ao fim dos tempos.

 

O que podemos dizer seguramente é que o próximo Papa eleito já estará no tempo do " fim dos tempos" predito em Garabandal. É também sabido que dentro do tempo " fim dos tempos", ocorrerá o Aviso, o Milagre e o Castigo e que antes do Aviso, haverá um tempo de grande tribulação da Igreja e do mundo.

Aguardemos as coisas com serenidade e com a paz no coração. O mais importante é sempre estarmos devidamente preparados, ou seja, cumprir a mensagem que Maria deixou em Garabandal para todo o mundo: fazer penitência, sacrifícios, visitar o Santíssimo, dar importância à Eucaristia,sermos bons.

 

Abraço fraterno, Apostolado de Garabandal